Política G1 - Política

Argentinos vão urnas na embaixada em Brasília; votação termina às 18h

País elege novo presidente neste domingo.

Por André Miranda

19/11/2023 às 13:32:26 - Atualizado h√°
País elege novo presidente neste domingo. Cerca de 23 mil podem votar no Brasil, 365 em Brasília. Ministro da Economia, Sergio Massa, e ultraliberal Javier Milei disputam cadeira. A embaixada da Argentina em Brasília recebe neste domingo (19) eleitores para o 2¬ļ turno do pleito que vai definir o novo presidente do país.

A votação se encerra às 18h e os resultados devem começar a sair a partir das 21h.

Disputam o comando da Casa Rosada o ministro da economia, Sergio Massa, e o economista ultraliberal, Javier Milei, que faz oposição ao governo.

Segundo a embaixada da Argentina, cerca de 430 mil argentinos podem votar no mundo inteiro, sendo cerca de 23 mil no Brasil. O voto no exterior não é obrigatório para os argentinos.

No primeiro turno, cerca de 2,6 mil argentinos votaram no Brasil. O maior colégio eleitoral é o de São Paulo. Em Brasília, 365 pessoas estão aptas a votar.

As Pesquisas divulgadas nas últimas semanas apontam uma disputa apertada. O país está dividido, e ambos os candidatos têm altos índices de rejeição.

O principal desafio da Argentina é a inflação. Em um ano, os preços subiram mais de 140%.

O governo brasileiro acompanha o processo com atenção. A Argentina é o principal parceiro comercial na América do Sul.
Comunicar erro

Coment√°rios Comunicar erro

O Jornal

© 2023 Copyrigth 2023 - O JORNAL, todos os direitos reservados.
Avenida 9 nº 625 - Sala 8 - Centro - Rio Claro - SP

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

O Jornal