Política G1 - Política

Justiça Eleitoral do Paraná julga possível cassação de Moro

Senador é acusado de abuso de poder econômico por gastos excessivos no período da pré-campanha em 2022.

Por André Miranda

01/04/2024 às 15:32:33 - Atualizado h√°
Senador é acusado de abuso de poder econômico por gastos excessivos no período da pré-campanha em 2022. Ele nega irregularidades. Justiça Eleitoral do Paraná julga possível cassação de Moro Senador é acusado de abuso de poder econômico por gastos excessivos no período da pré-campanha em 2022. Ele nega irregularidades. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Paraná julga duas ações que pedem a cassação do senador Sergio Moro, do União Brasil.. Moro, que ficou famoso como juiz da Lava Jato e depois foi ministro de Bolsonaro, é acusado de abuso de poder econômico na eleição de 2022.. Segundo as ações, protocoladas pelo PL de Bolsonaro e pelo PT, o senador fez gastos excessivos ainda no período da pré-campanha, quando as candidaturas não estavam oficializadas.. O senador foi eleito com 1,9 milhão de votos e nega ter cometido irregularidades. O Ministério Público Eleitoral defende a cassação.. Se for condenado, Moro pode recorrer ao TSE. Caso perca mesmo o mandato, ele ficará inelegível até 2030 e uma nova eleição será realizada para definir o substituto no Senado.
Comunicar erro

Coment√°rios Comunicar erro

O Jornal

© 2024 Copyrigth 2023 - O JORNAL, todos os direitos reservados.
Avenida 9 nº 625 - Sala 8 - Centro - Rio Claro - SP

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

O Jornal